Sonho possível

Pelo mesmo preço de um carro de luxo, é possível adquirir uma aeronave e entrar no cobiçado mundo da aviação

 

O avião é uma das máquinas mais impressionantes já inventadas pelo homem. Afinal, com nenhuma outra é possível viajar milhares de quilômetros em poucas horas. Além de seu poder de mobilidade sem igual, ele ainda proporciona a sensação de liberdade ao voar e a possibilidade de estar mais próximo do céu. Tudo isso coroado pela beleza da paisagem. Há quem diga, inclusive, que lá de cima tudo fica pequeno, até os problemas. Exatamente por isso a aviação é uma das práticas mais apaixonantes do mundo. A maioria dos amantes da atividade, no entanto, se 023contenta em ler e assistir a tudo sobre o assunto, já que o hobby é um privilégio de poucos. Mas, ao contrário do que muitos imaginam, não é preciso ser bilionário para ter seu próprio avião. Acredite: há aeronaves pelo mesmo preço ou até mais baratas do que carros de luxo. Eles são os chamados monomotores a pistão, que podem ser comprados novos por menos de R$ 1 milhão. Se a opção for por uma aeronave usada, é possível encontrar unidades bem conservadas por cerca de R$ 500 mil, dependendo do modelo. Há ainda os chamados aviões experimentais, que têm preços muito mais baixos. São aeronaves que podem ser encontradas por menos de R$ 200 mil e cuja homologação da Agência Nacional de Aviação obedece a critérios menos exigentes, permitindo que fabricantes independentes se aventurem na produção de seus próprios aviões ou até na montagem de kits importados. É nesse grupo também que se enquadram os ultraleves. Há excelentes ultraleves e aviões experimentais que não deixam muito a desejar com relação a aviões homologados.

Para pilotar um avião, o aspirante a comandante deve tirar a licença de piloto de aviação privada, que custa em média R$ 15 mil e é composta por exames médicos e aulas teóricas e práticas. Já para os modelos ultraleves a habilitação necessária é a de piloto desportivo (CPD) ou de piloto de recreação (CPR), que exige menos horas de voo e sai por cerca de R$ 10 mil. Além da aeronave e da licença para pilotá-la, é preciso levar em conta outros números antes de entrar para o cobiçado mundo da aviação: os custos mensais para manter um avião. Coloque na conta os gastos com combustível, seguro, hangaragem e manutenção preventiva. No total, o valor mensal deverá ser de cerca de R$ 7 mil. Na ocasião de uma revisão completa, que costuma ser exigida pelas fabricantes a cada duas mil horas de voo, o procedimento pode custar cerca de R$ 8 mil. É um valor alto, mas considerando esses mesmos custos no caso de um carro superesportivo, como Ferrari, Porsche e Lamborghini, há quem prefira, voar a mais de mil metros de altura e não no asfalto.

Eu já estou me preparando pra curtir mais essa. Mas antes, preciso providenciar um bom presente pra Carol pra ver se amanso a fera e ela me libera pra embarcar nessa aventura. Alguma sugestão? rs

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *