Dra Glene responde a um dos maiores tabus da sexualidade feminina

Olá leitoras e leitores, tudo bem?

Uma dúvida muito comum entre as mulheres no consultório: Sexo anal faz mal a saúde?

Você tem dúvidas a respeito desse assunto? Vamos esclarecer  algumas questões  e você decide se quer experimentar ou não.

  1. O s homens brasileiros têm preferência por sexo anal?

Preferência não diria… Mas sim, a maioria gosta, principalmente porque estamos  em um país tropical que cultua o “bumbum” com forte apelo de erotização,  principalmente na posição “de quatro”, onde o homem tem a sensação do sexo animalesco, com o bumbum virado para ele, o que pode ser muito excitante.

  1. Prejudica a saúde?

A pergunta mais frequente é se provoca hemorróidas ou machuca. Se feito de maneira tranquila , onde a mulher esteja relaxada  e com o uso de gel lubrificante a base de água não machuca e não provoca fissuras ou hemorróidas.

A hemorróida é uma variz, provocada pelo excesso de contratura do esfíncter anal e força da pressão abdominal. O sexo anal regular pode treinar esse esfíncter a um relaxamento mais adequado.  Porém, se a mulher tiver uma fissura ou hemorróida, é necessário tratar antes para depois se divertir com tranquilidade, se esta for a sua escolha

  1. Devo usar camisinha?

Sempre! Para evitar doenças sexualmente transmissíveis. Como a região anal não tem lubrificação natural, microfissuras podem ocorrer e, portanto, facilitar a contaminação de doenças sexualmente transmissíveis com o HIV, hepatite c , hpv, entre outras.

  1. Necessita o uso de gel anestésico?

Não é necessário. O mais importante é você se sentir tranquila e segura com o parceiro. Isso significa um grau de confiança de que tudo será feito com calma esperando o seu tempo ou permitindo que você comande a situação .

  1. Existe uma posição mais adequada para quem está começando?

É variável. Algumas mulheres preferem posição de lado. Também pode ocorrer de bruços com um travesseiro em baixo promovendo uma discreta elevação do bumbum. Várias posições são possíveis, o ideal é ir testando e buscando a mais agradável.

  1. E se eu não gostar?

Há várias possibilidades: não necessariamente você tem que gostar na primeira tentativa,  lembre-se que a prática leva à perfeição, então pode ser que a primeira vez não seja tão agradável mas com o tempo você  passe a sentir excitação e até orgasmos.

Pode ser também que depois de algum tempo, você perceba que não é a sua praia.  Se for assim , apenas diga: “Adoro estar com você e o sexo é bom e gostoso , mas não é o que quero!”

  1. Posso ficar com incontinência fecal ??

Para ter defeito de relaxamento do esfíncter anal é preciso praticar inúmeras e repetidas vezes.  Geralmente o sexo  anal  heterossexual é praticado  para apimentar o relacionamento, aumentar a excitação , mas é uma prática alternada com outras, como sexo vaginal e oral. Então não se preocupe, mas se quiser, lembre que a fisioterapia vaginal e pompoarismo trabalham sempre os músculos vaginais e perianais para manutenção do tônus.

  1. As mulheres gostam de sexo anal?

A prática é comum em torno de 50% das mulheres, já que a maioria dos homens gosta e algumas mulheres se excitam com o sexo anal, chegando ao orgasmo.

  1. Dá para ter orgasmo?

Pode ocorrer orgasmo com sexo anal devido às inúmeras terminações nervosas nessa região. Porém, o mais comum é que o parceiro estimule o clitóris ao mesmo tempo em que faz a penetração, levando a um orgasmo clitoriano. Se a mulher se excita com o toque no clitóris e aumenta o desejo e a excitação automaticamente relaxa o esfíncter anal, facilitando a penetração e tornando-a mais prazerosa para ambos.

  1. Existe técnica?

Existem sugestões para que você encontre o seu melhor caminho: Usar camisinha e gel lubrificante, verificar as melhores posições para vocês (vale olhar no Kama Sutra). Sentir-se à vontade com o parceiro sempre, é preciso intimidade para entrega e troca. Outra idéia é passar gel no clitóris e na região anal, estimulando com o dedo ou vibrador clitoriano e ir inserindo um dedo  e até dois para dilatação do canal anal  e então passar à relação propriamente dita.

  1. E por fim, a pergunta mais frequente: e se eu tiver vontade de ir o banheiro?

A dica é se você já foi no banheiro  a ampola retal está vazia e você não vai se incomodar , mas se ela estiver cheia, provavelmente o estímulo será incômodo , portanto, recuse delicadamente e deixe a brincadeira para outro dia!

 

Até a próxima!

Dra. Glene Rodrigues

Ginecologista e Sexóloga

 

 

 

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *