10 dicas para emagrecer que talvez você não saiba

Novembro chegou rápido e, num piscar de olhos, já estaremos em dezembro diante da Ceia de Natal recheada de delícias. Sabendo disso, muita gente investe em estratégias de emagrecimento rápido para garantir que a “jaca” das festas de fim de ano não seja tão desastrosa, não é mesmo? Por esse motivo, separei algumas dicas que muita gente sabe, mas não pratica ou nem mesmo tem conhecimento sobre o processo de emagrecimento. Vamos lá?

  • Para emagrecer, você não precisa morrer de fome. Se você está passando muita fome, tem coisa errada aí. Restringir muito a dieta pode gerar um efeito rebote assustador depois e você ganhará todo o peso perdido, sem falar na falta de energia, no desânimo e no mau humor lascado que essa prática causa!
  • Tomar shake não favorece o emagrecimento real, pelo contrário, pode estimular a perda de massa muscular, promover mais fome e aumentar o apetite quando você quiser voltar a comer comida de verdade.
  • O exercício é fundamental sempre. Não só para emagrecer, como para manter a saúde. Se você ainda não faz, vá atrás de um professor para te orientar.
  • Pular refeições também não ajuda e pode, inclusive, atrapalhar, te deixando com mais fome e, a longo prazo, fazendo seu metabolismo diminuir para poupar energia. Esse erro é muito comum e é um dos grandes fatores que prejudicam o sucesso da dieta.
  • Fazer dieta da moda pode parecer funcionar inicialmente, mas a dieta que não tem o seu nome não é feita para você. Dietas individualizadas levam em conta todo o seu estado de saúde, seus hábitos, sua rotina, suas preferências e seus objetivos mais específicos. Dieta de internet não vê nada disso.
  • Tirar glúten não emagrece. Não há absolutamente nenhuma comprovação científica de que o glúten engorde ou que sua retirada promova o emagrecimento, pelo contrário. Alimentos glutenfree são indicados apenas para aqueles que possuem alguma alergia ou intolerância associada à sua ingestão, como a doença celíaca.
  • Tirar lactose também não emagrece. Temos inúmeros artigos científicos demonstrando os benefícios dos laticínios, inclusive como coadjuvantes no processo de emagrecimento. Não há indicação de isenção de lactose aos indivíduos saudáveis.
  • Tirar carboidrato: idem! Uma coisa é diminuir as fontes ruins de carboidrato, outra coisa é retirar os alimentos benéficos que são ricos nesse nutriente. Os carboidratos são importantes para a geração de energia e ajuda inclusive no ganho de massa muscular. Além disso, os alimentos ricos em carboidratos complexos e fibras contêm uma variedade enorme de vitaminas e minerais e retirar essa riqueza toda só irá te trazer prejuízos.
  • Colocar uma fonte de proteína em todas as refeições ajuda a dar saciedade e melhorar a composição corporal. Entre esses alimentos, podemos citar carnes, laticínios, ovos, cogumelos e leguminosas.
  • Deixar de sair com os amigos e a família porque está de dieta só te deixa mais isolado, mais deprimido e mais sozinho no alcance do seu objetivo, o que te faz perder a vontade de seguir em frente. Se você tiver orientação do seu nutricionista quanto às escolhas saudáveis nesses eventos sociais, você não precisa sofrer.

E aí, qual dessas dicas você já pratica e qual delas você ainda está precisando melhorar? Mãos à obra!!!

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *